(11) 2092-4811 contato@larsirio.org.br

Visto que, cada vez mais, os valores humanos não são praticados pela sociedade, sentimos a necessidade de trabalhá-los com as crianças e adolescentes para que construamos uma sociedade justa e igualitária, baseada no respeito, tolerância, igualdade, ética e verdade, enaltecendo à cultura de paz.

A cultura de paz começa internamente, e são ações que precisam ser colocadas em prática no dia a dia, buscando solucionar os conflitos por meio do diálogo e não-violência. Sendo assim, o campo da cultura de paz é dividido em cinco campos¹: 1. valores humanos, parte da nossa concepção pedagógica; 2. educação para direitos humanos, trabalhados em todas os ambientes de aprendizagem em especial convivência e civilidade; 3. mediação de conflito, ao qual os educadores e os próprios atendidos participaram da formação; 4. práticas restaurativas, que advém da disciplina positiva; 5. ecoformação, que são questões voltadas para o meio ambiente.

Portanto, em cada ambiente de aprendizagem desenvolvemos atividades como: praticar atitudes de solidariedade, promoção de hábitos saudáveis e sustentáveis, identificação de sentimentos, aquisição do pensamento crítico, a busca por justiça, preservação do planeta, bom convívio, etc. Além de estimular a cooperação e afetividade entre os atendidos.

Neste sentido, as práticas socioeducativas, por meio do projeto paz, visam a enfrentar as desigualdades sociais e minimizar a pobreza.

Contudo, sabemos que trabalhar a paz internamente é um processo contínuo e permanente, portanto, é missão de todos promovê-la diariamente. Como dizia Gandhi “não há caminho para a paz, a paz é o caminho”.

Geovana Duarte / Janaina Morelli / Midori Matsuoka
Educadoras do Lar Sírio